Productos seleccionados
×

Ir para detalhes
Referência

Minha conta

×

Diretiva RoHS

Porque nos preocupamos

Directiva RoHS 2011/65/UE
Este é o regulamento europeu para a restrição de certas substâncias perigosas (RoHS) em equipamentos eléctricos e electrónicos.

RoHS tem um objectivo bastante simples: restringir a utilização das seguintes dez substâncias perigosas, bem como os valores máximos toleráveis de concentração por peso em materiais homogéneos:

Chumbo (0,1 %)
Mercúrio (0,1%)
Cádmio (0,01 %)
Crómio hexavalente (0,1 %)
Bifenilos polibromados (PBB) (0,1 %)
Éteres difenílicos polibromados (PBDE) (0,1 %)
Ftalato de bis(2-etilhexilo) (DEHP) (0,1 %)
Ftalato de butilbenzila(BBP) (0,1 %)
Ftalato dibutílico (DBP) (0,1 %)
Ftalato de diisobutilo (DIBP) (0,1 %)
 

 

Identificação dos produtos compatíveis com a RoHS

Os produtos compatíveis com a RoHS são identificados por RoHS ou pela marca G no catálogo, no produto ou nas etiquetas da embalagem.
 

Categorias de equipamentos eléctricos e electrónicos abrangidos pela Directiva RoHS

1.  Grandes electrodomésticos.

2.    Pequenos electrodomésticos.

3.    Equipamento informático e de telecomunicações.

4.    Equipamento de consumo.

5.    Equipamento de iluminação.

6.    Ferramentas eléctricas e electrónicas.

7.    Brinquedos, equipamento de lazer e desportivo.

8.    Dispositivos médicos.

9.    Instrumentos de monitorização e controlo, incluindo instrumentos de monitorização e controlo industrial.

10.    Distribuidores automáticos.

11.    Outros EEE não incluídos em nenhuma das categorias acima referidas.

Os produtos SMC encontram-se nas categorias 9 e 11.


Aplicações/Materiais não utilizados em produtos SMC


6(a): Chumbo como elemento de liga em aço para fins de maquinagem e em aço galvanizado contendo até 0,35 % de chumbo em peso

6(a)-I: Chumbo como elemento de liga em aço para fins de maquinagem contendo até 0,35 % de chumbo em peso e em componentes de aço galvanizado a quente por imersão em lote contendo até 0,2 % de chumbo em peso

6(b): chumbo como elemento de liga em alumínio contendo até 0,4 % de chumbo em peso

6(b)-I: Chumbo como elemento de liga em alumínio contendo até 0,4 % de chumbo em peso, desde que seja derivado da reciclagem de sucata de alumínio com chumbo

6(b)-II: Chumbo como elemento de liga em alumínio para fins de maquinagem contendo até 0,4 % em peso de chumbo

6(c): Liga de cobre com um teor de chumbo de até 4% em peso

7(a): Chumbo em soldas de alta temperatura de fusão (ou seja, ligas à base de chumbo contendo 85 % em peso ou mais de chumbo)

7(b): Chumbo em soldas para servidores, sistemas de armazenamento e matrizes de armazenamento, equipamento de infra-estrutura de rede para comutação, sinalização, transmissão e gestão de redes de telecomunicação.

7(c)-I: Componentes eléctricos e electrónicos contendo chumbo num vidro ou numa cerâmica que não seja cerâmica dieléctrica em condensadores, por exemplo, dispositivos piezoeléctricos, ou num compósito de vidro ou de matriz cerâmica

7(c)-II: Chumbo em cerâmica dieléctrica em condensadores para uma tensão nominal de 125 V AC ou 250 V DC ou mais

8(b): Cádmio e seus compostos em contactos eléctricos

8(b)-I: Cádmio e seus compostos em contactos eléctricos utilizados em:
    - disjuntores,
    - controlos de sensoriamento térmico,
    - protectores de motores térmicos (excluindo protectores de motores térmicos herméticos),
    - Disjuntores AC classificados em:
    - 6 A e acima a 250 V AC e acima, ou.
    - 12 A e acima a 125 V AC e acima,
    - Interruptores DC de 20 A ou mais a 18 V DC ou mais; e
    - interruptores para utilização com uma frequência de alimentação de tensão ≥ 200 Hz.


Na SMC estamos comprometidos com o ambiente


A missão da SMC reconhece que a preservação da terra é um dos mais importantes desafios que os seres humanos enfrentam e a sua contribuição é desenvolver e fornecer produtos amigos do ambiente.

Este compromisso é traduzido nos sete princípios seguintes:

  • Redução de componentes nocivos para o ambiente.
  • Redução do ruído, vibração e odores
  • Foco em produtos eficientes do ponto de vista energético
  • Conservação dos recursos naturais
  • Redução do transporte e embalagem
  • Gestão de resíduos
  • Divulgação de informação sobre actividades verdes

 

A informação acima é a nossa interpretação baseada nos regulamentos locais a partir de Janeiro de 2021.

Os clientes que adquirem produtos SMC para utilização em equipamento compatível com RoHS devem consultar a Directiva para compreenderem as suas obrigações legais.